Mão Branca

Capoeira Gerais

Voltar

William Douglas Guimarães, mestre Mão Branca, ganhou o apelido numa roda de rua do Parque São Bento, no Jardim São João, em Niterói/RJ, porque compareceu à roda com luvas brancas e com elas jogou. Graças a sua perseverança e obstinação, fundou e manteve o Grupo Capoeira Gerais, que apesar de ser um dos mais novos do Brasil, inclui-se entre os melhores. Desenvolve um belo trabalho com menores carentes, de rua, trabalho que constitui motivo de muito orgulho para este jovem mestre. Ensina também para garotos portadores da síndrome de Down. Como gosta de dizer, utiliza a Capoeira como "instrumento de cidadania", absorvendo os meninos de rua e os direcionando para o trabalho de Capoeira como meio de vida e perspectiva de futuro.