- R -

Raspa - s. f. Assim designavam os batuqueiros a rasteira, golpe desequilibrante muito conhecido na capoeira.

Rasteira - (Fem. substantivado do adj. rasteiro) s. f. Bras. 1. Movimento ardiloso, rápido e brusco, que consiste em meter o pé ou a perna entre as de outra pessoa, em luta, jogo ou simples brincadeira, e provocar-lhe a queda; calço, cambapé, pernada, rabanada, transpés, travessa. 2. Fig. Ato traiçoeiro; perfídia, golpe: "sempre de bom humor, ... sublinhando com um sorriso, se não uma risada de satisfação ou malícia, a resolução benéfica, o ato justo, a medida acertada, ou a rasteira, a manobra, o ardil, o golpe político contra o adversário." (Carlos de Gusmão, Boca da Grota, p.490) 3. Bras. Cap. Golpe desequilibrador em que o capoeirista, apoiado numa das mãos (ou não), se agacha sobre uma perna, enquanto a outra, esticada, descreve um semicírculo para a frente, procurando arrastar e derrubar o adversário; pernada. Dar ou passar uma rasteira em. Bras. 1. Levar vantagem sobre. 2. Enganar, lograr. 3. Derrubar.

Recôncavo - 

Revolta dos Malês - 

Roupa de ver Jesus - s.f. A roupa de ir à missa; terno branco com que os capoeiristas de antigamente iam às rodas na Bahia, e que, no final, permanecia limpo, atestando a competência do jogador.


Voltar ao
índice

©  Copyright Capoeira do Brasil. Todos os direitos reservados.